quarta-feira, 5 de abril de 2017

Verdelho x Jogos CDL: Jovens travam divertidíssimos jogos literários via What Zap Diversão, conhecimento, interação e o aprendizado no quesito conviver em grupo é garantido!




Verdelho x Jogos CDL: Jovens travam divertidíssimos jogos literários via What Zap

Diversão, conhecimento, interação e o aprendizado no quesito conviver em grupo é garantido!

Jardson Verdelho

Olá galera como estão?
Espero que bem!

O quadro Novos Talentos de hoje traz para vocês não uma poesia, conto, texto. Não somente um único novo talento, mais acredito que o começo de inúmeras descobertas nesse mundo, o mundo dos talentos anônimos.

Como muitos sabem, participo de vários grupos de What Zap com diversas vertentes diferenciadas, como política (esses estão sem dúvidas, em primeiro lugar tratando-se de quantidade), escola (do primário ao ensino fundamental, legal né?), de cartas (lá voltamos aos primórdios e todos os meses enviamos uma carta manuscrita para um colega escolhido por sorteio), Debates Literários (como o próprio nome já diz, é escolhido um livro e todo último Sábado do mês é feito um debate sobre o mesmo),tem o grupo do blog, caso alguém queira participar basta deixar o contato, grupo de livros digitais, Leitura Viva (Recebo mais ou menos uns trinta livros digitais por dia), Bazar de Livros (o nome já indica tudo), de esporte, entre tantos outros.

Mais dentre os quase 50 grupos mais ou menos que possuo (nunca parei para contar, talvez um dia faça isso quem sabe?), aquele no qual mais me chamou a atenção é o que eu deixei para citar agora: Verdelho.
Time no qual faço parte e que na minha opinião além das outras equipes, apesar de ser suspeita para falar, é o melhor nas paradas. Agora, 26 de Março ganhamos o título de Tricampeão, parabéns a todos vocês merecem!

 Me convidei a participar depois de ver uma jovem postar no grupo “Cartas” que ela participava de um grupo no qual existiam jogos literários e que eram muito legais.
Eu, como uma eterna curiosa e amante dos livros e de tudo que é novo embarquei na aventura. Gente, confesso que fiquei completamente perdida! Rsrsrsrsrsrsrsrsrsrs

A jovem que me acionou e que também topou essa entrevista me perguntou previamente se eu tinha tempo para participar antes de me adicionar no grupo, eu respondi que sim, pensando em ser um fluxo normal como nos demais grupos.

 É uma verdadeira loucura! Super gostosa! É tudo muito bem organizado, criativo, enriquecedor, inovador, jovial, engraçado, se engana quem pensa que por serem jovens é uma bagunça, nada disso.


Olha só a agenda para o mês de Abril/17:



Dia da maratona: 15/04
Livro: O Pianista

Calendário de filmes para debate:
Diango: 08/04
Olga: 22/04
A Vida é Bela: 29/04

Especial série Raízes: 23/04
(Pontuação extra para o Debate)

Livro do mês: A Resposta

Fechamento do mês: 30/04
Já deu para sentir né?





Existe o seguinte esquema:
Cada equipe possui o seu grupo onde lá podem confraternizar, interagir, treinar (isso mesmo!) para os jogos, enfim é como uma sala de reuniões.
E existe um grupo chamado Jogos CDL, é lá que as disputas acontecem:
A equipe responsável (administradores), logo pela manhã divulgam um cronograma com as atividades, horários, regras, pontuações e prazos, ai é só se preparar para o jogo.
Diversos jovens de diversificadas idades, cidades, estados, participam desse mundo, estados como RJ, ES, SP, na Bahia temos EU (a única de Salvador), Camaçari, Feira de Santana.
Entre os jogadores, existe uma jovem que com apenas 16 anos, de Feira de Santana, a Lana é um dos destaques da equipe Verdelho, (além de também ser uma das Moderadoras), com ela, é garantia de se ganhar pontos com certeza.
Dentre tantos componentes, talentosos, criativos, o meu critério na hora de convidar um dos componentes para o quadro, foi determinante, até mesmo gritante, o fato dela ser Baiana galera. Para mim é uma honra fazer parte de um grupo como este e possuir como colega uma jovem tão promissora e que pertence ao nosso estado.
Infelizmente aqui em Salvador, ainda vejo muito claramente uma certa resistência a leitura, não somente dos jovens mais inclusive dos pais. Falta ainda uma conscientização literária e a mesma deve ser na minha humilde opinião, consolidada inicialmente no seio familiar.

Tenho notado nos diversos grupos literários dos quais participo que o estado no qual possui mais força nesse movimento no qual eu intitulo como LiteraZap, é o ES e SP. Fiquei e fico muito feliz quando encontro companheiros(a) daqui da Bahia, mesmo que eu seja ainda a única de Salvador. No nosso estado o maior peso vem até o momento de Feira de Santana, um grande começo.


Agora vamos conhecer um pouco mais sobre essa garota talentosa e sobre os Jogos:

Lana Verdelho


Vcnpdeixardeler:
Lana Como surgiu a ideia de se formar jogos nesse estilo literário pelo WhatsApp?

Lana: Provavelmente da cabeça de alguém bem viciado em ler. O grupo do CDL vem de membros antigos que hoje em dia não estão mais lá.

Vcnpdeixardeler:
Vocês jogam visando algum prêmio, recompensa?

Lana: Não. Jogamos por diversão, mais todo mês o Verdelho sorteia um livro entre seus componentes

Vcnpdeixardeler:
Além de você, quem são os outros administradores e quais os papeis de cada um?

Lana: O grupo possui uma Administrador central...que cuida de todas as equipes, a Patrícia...cada equipe também tem um adm ou mais...São eles, Pétala,Vivianne,Bel e Alda. Cada equipe também tem os seus moderadores... Sou um deles ...juntamente com com a Ísis a Cecilia e a Luna.

Pétala Verdelho

Vcnpdeixardeler:
Como se sente, sendo tão jovem, e já com uma responsabilidade tão grande?

Lana: Que responsabilidade? É mais diversão que responsabilidade. É bem fácil de levar.

Vcnpdeixardeler: 
Se tratando das equipes: Quais são os nomes, existe um limite de componentes, de ADM? Como vocês se dividem, quem é responsável pelo que?

Lana: Verdelho, Black e Fantasia...30 componentes por time.
Administradores e moderadores fazem os jogos e cuidam dos times...cada um é responsável por um dia útil da semana...no sábado e no domingo os jogos são livres, ou seja, qualquer Administrador ou moderador pode fazer jogo a qualquer momento do dia.

Vcnpdeixardeler:
Quais são as regras do jogo?

Lana: Cada jogo possui suas regras...elas são apresentadas antes do inicio deles.

Vcnpdeixardeler:
Me fala um pouco da rotina na equipe Verdelho e quais são as regras lá entre vocês?

Lana: A rotina é ajudar no máximo que conseguirmos...sempre fazer os desafios e tentar ganhar o mês.  Não temos regras que não sejam o bom senso e o respeito pelos spoilers.
Vivi Verdelho

Vcnpdeixardeler:
Vocês sorteiam todos os meses um livro entre os componentes. A equipe possui algum patrocínio e como é feito?

Lana: 

Vcnpdeixardeler:
Agora um pouco mais sobre a Lana:



Espero que esses jovens sirvam de exemplo e incentivo para que se crie mais movimentos literários como esses, mais interação, mais construções de relacionamentos interpessoais, intergrupais, só não esqueçam de curtir um pouco o mundo lá fora, afinal as atividades não são o dia inteiro, com horários agendados dá para conciliar tranquilamente fortalecer também a equipe e o “delegar” tarefas. Atitudes como essa, podem tirar os nossos jovens das ruas, das drogas, além de preenche-los de cultura, assim é bem mais construtivo ficar alguns momentos no zap, quem precisa de videogames com vocês ai?

Até a próxima pessoal!

Lindaiá Campos